Mudança de sede da Cushman & Wakefield para o One World Trade Center

A Cushman & Wakefield mudou sua sede de Lower Manhattan para o One World Trade Center, símbolo icônico, com vista para o centro financeiro (Downtown), um dos mais dinâmicos centros urbanos dos EUA.

A gigante do setor imobiliário ocupa uma área de 940m2 de área construída no 45° andar do edifício mais alto do ocidente. Anteriormente a empresa operava no número 100 da Wall Street.

“Uma das maiores empresas do mundo do setor imobiliário acaba de se mudar para um dos maiores edifícios do mundo”, brinca Ron Lo Russo, presidente da Cushman & Wakefield New York, Região Tri-Estadual. “O One World Trade Center fica no movimentado da cidade centro . Estamos empolgados com nosso novo endereço.”

“Este prédio, conhecido mundialmente, é o complemento perfeito para nossa marca”, afirma a Vice-Presidente Executiva da Cushman & Wakefield, Tara Stacom. “O espaço em si é ideal por seu design sem colunas, permitindo um ambiente de trabalho mais aberto e inclusivo.”

“Como todos os outros locatários deste endereço, nós também nos beneficiamos do renome do One World Trade Center”, continua Tara Stacom. “O endereço confere uma vantagem a mais em nosso valor de mercado, por ser um edifício universalmente conhecido e respeitado.”

A Cushman & Wakefield representa a Durst Organization na locação do One World Trade Center. Pela parte do proprietário, a equipe que fechou a transação contou, além da Sra. Stacom, com os Srs. Alan Stein, James Searl e Justin Royce, além da Sra. Jodi Pulice da JRT Realty. A Cushman & Wakefield representou a si própria como locatária.

A gigante do setor editorial Condé Nast, a locatária âncora, reuniu suas agências, que combinadas entre si somam aproximadamente 111.483 m2, entre o vigésimo e o quadragésimo-quarto andares.

Além da Condé Nast, as seguintes empresas se estabeleceram e operam no edifício: Legends Hospitality, LLC; Incandescent Technologies, que oferece serviços de consultoria para instituições financeiras; administradora independente de ativos C12 Capital Management; locadora global de espaços executivos – Servcorp; consultoria em telecomunicações Symphony Communications; WTC distribuidora Westfield America, empresa de games digitais High 5 Games, e o escritório central da Durst Organization.

Outras locatárias: China Center New York LLC, divisão da Vantone Industrial Co., Ltd; consultoria de investimentos Casablanca Capital; empresa de mídia digital Tinypass, Inc.; Olam Americas, divisão da Olam International, empresa líder no setor do agronegócio; xAd, empresa de publicidade tecnológica, entre muitas outras.

Projetado para alcançar a certificação LEED CS Gold Certification, o empreendimento One World Trade Center está prestes a tornar-se o projeto mais ambientalmente sustentável do mundo em sua categoria.

Criado pela Autoridade Portuária bi-estatal Port Authority of New York and New Jersey, o One World Trade Center lançou um novo padrão em design, construção e prestígio, e simboliza a revitalização da região da Lower Manhattan. Administrado, gerido e com espaços negociados pela Durst Organization, o One World Trade Center representa um novo ícone no horizonte de Nova York, e endereço mais desejado pelas empresas no mundo inteiro.